Na Pressão.

Sabe aquela comida que
era – ou ainda é,  para os sortudos – feita na panela de pressão pela mãe
ou vó? Em tempos frios como temos tido, lembrei-me de algumas comidas que só
minha vó e minha mãe sabiam fazer no tempo que eu ainda morava com elas. Pratos
do tipo dobradinha, costela com agrião, mocotó e por aí vai.

Tem quem não
curta a panela de pressão, os mais aficionados por cozinha dizem que ao
cozinhar em excesso nessa panela perde-se o sabor, alguns chefs repudiam,
algumas pessoas temem – confesso que me encontro na opção dos que temem -,
devido ao perigo que se corre ao manusear de forma errada. Mas a verdade é que
ela tem lugar certo nos lares brasileiros.

Memória Gastronômica é Tudo.


Lembro certa vez quando era pequeno, na casa de minha vó, a panela de pressão
explodiu pintando as paredes e o teto de marrom e estragando o fogão, talvez
tenha sido por isso que não me sinto tão confortável, mas não dispenso. Há algum
tempo experimentei macarrão feito na panela de pressão na casa de um amigo – depois
de ser feito um forte marketing da receita por ele mesmo para que eu comesse.
Achei interessante, mas os apreciadores e fanáticos por massas não aprovariam,
já que a massa fica bem cozida. Produtos muito delicados, como peixes, frutos
do mar e legumes também podem não suportar o calor e a pressão e desmanchar.
Isso pode acontecer, pois a temperatura interna desse tipo de panela chega a
120*C, enquanto em um modelo comum a temperatura máxima da água é de 100*C.
Sendo assim vale apostar em receitas com carnes mais firmes – músculo, lagarto,
patinho e rabo de boi são boas opções – e grãos (feijões, grão-de-bico) e
tubérculos (mandioca, batata).
Fiquem atentos, pois essa semana vou postar a receita da dobradinha (que estou desejando à tempos) aqui.

Não esqueçam de comentar e compartilhar, isso faz uma grande diferença!
Até a próxima. 
Meu email é [email protected]

Gostou deste post?

Que tal receber conteúdo como este diretamente em seu email?

Você pode gostar também

2 Comentários

  1. Eu gosto bastante desse macarrão na panela de pressão. Se fica mais cozido ou não… Pra mim não importa rs. O importante é que fica bem saboroso.
    Esse post me lembrou muito de uma sopa que minha mãe e vó fazem. A famosa sopa de entulho rsrs. Leva macarrão, carne, batata normal e doce, repolho, abóbora, chuchu, couve, cenoura, inhame e um tempero secreto. Rs.
    Fica bem encorpada e saborosa.

  2. Puts, cara essa sopa de entulho também faz parte das comidas de frio que se faziam lá em casa.
    É muito top. Lembro que quando rolava lá em casa, minha mãe colocava uns pedaços de pão pra comer junto.

    Muito bem lembrado.

    Valeu pela lembrança!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *